Headhunters X Outplacement: O que são? O que fazem? E como saber a diferença entre eles te ajuda.


Venho escutando muita confusão sobre empresas de recrutamento e seleção, as chamadas Headhunters, e as empresas de Outplacement.


Há gente que chega para mim (que atualmente trabalho com Outplacement) falando que quer contratar um Headhunter. Assim como há gente entrevistado por um Headhunter, querendo contratá-lo para ajudar com reformulação do currículo e ajuda para encontrar vagas e participar dos processos.


Os fatos acima acontecem mais do que se imagina – e não existe nenhum problema com isso. Como já trabalhei nos dois universos, preparei este breve artigo para explicar a diferença entre eles.


As empresas de recrutamento e seleção, como é o caso de multinacionais como Robert Half, Michael Page, Hays, Korn Ferry, e das nacionais Flow, Talenses e 2GET, são empresas contratadas por outras empresas para fazerem um processo de recrutamento e seleção. As chamadas “empresas headhunters”, são contratadas apenas por pessoa jurídica, não podendo ser contratada por alguém querendo se recolocar.


Vamos imaginar o seguinte exemplo: A Nike quer contratar seu Diretor Financeiro para o Brasil, e contratou uma empresa de recrutamento para fazer o processo. Essa empresa vai buscar no mercado o melhor candidato dentro das especificações discutidas para preencher a vaga (independente do profissional estar ou não trabalhando atualmente).


A “empresa headhunter” vai apresentar uma lista de aproximadamente cinco a dez candidatos aderentes ao perfil, mas a decisão final de quem vai ser contratado(a) fica a critério da Nike.


Ou seja, sempre que você for entrevistado por uma empresa de recrutamento e seleção, você nunca vai pagar nada, pois a remuneração deste processo fica a cargo da empresa contratante, no nosso exemplo, a Nike.


Se alguma empresa de “Recrutamento e Seleção” te cobrar para participar de algum processo, caia fora o mais rápido possível, pois tem grandes chances de ser armação.


Recapitulando: empresas de recrutamento e seleção podem apenas ser contratadas por outras empresas. São elas que detêm grande parte das vagas no mercado. Você não precisa pagar nada quando for entrevistado. O profissional que trabalha nessa empresa é conhecido por seu um(a) Headhunter.


O Headhunter em português seria Caçador de Cabeças, mas convenhamos que fica meio estranho, não?


Sobre as empresas de Outplacement, elas trabalham assessorando os profissionais que querem se recolocar. Algumas vezes quem paga é a própria empresa que está desligando o funcionário, e outras vezes, é pago pelo próprio profissional que quer se recolocar.


Mas por que uma empresa contrataria uma empresa de Outplacement para ajudar o profissional que ela está desligando?


Por respeito à trajetória do profissional, para manutenção de uma boa imagem corporativa ou simplesmente por realmente se importar com aquela pessoa que foi tão útil durante o tempo dedicado à empresa.


Não são todas empresas que oferecem este benefício, portanto normalmente algumas empresas de Outplacement oferecerem também a possibilidade de se serem contratadas por pessoas físicas.


Essas empresas não trabalham recrutando para vagas, mas algumas delas têm relacionamentos com empresas que aceitam receber currículos de seus assessorados. Existe também um movimento de profissionais de RH procurarem estas empresas que enviam gratuitamente o material dos profissionais que estão sendo assessorados. Mas que fique claro, ela não trabalha vagas como as Headhunters.


Essas são as empresas que você pode contratar como pessoa física.


Mas afinal, que tipo de serviço elas oferecem?


Dos mais variados serviços, como coaching de carreira, avaliação e prepararação do currículo, estratégias de construção de network profissional, simulações de entrevistas com diferentes perfis, uso de ferramentas como LinkedIn, e muitos outros serviços que diferem de empresa para empresa. Então nada mais é do que uma consultoria para quem precisa de suporte no processo de recolocação. Quanto melhor a empresa, melhor vai ser sua estratégia e a condução do seu processo em busca de uma reinserção no mercado.


Não contrate este serviço se você acha que não precisa e quer somente participar de processos de seleção.


Infelizmente este mercado ficou com uma reputação ruim, pois algumas empresas de Outplacement fazem promessas mentirosas de "vagas inexistentes”. Se escutar este tipo de abordagem, caia fora, é uma CI-LA-DA.


Por outro lado existem empresas muito boas, sérias, que fazem um excelente trabalho para ajudar no processo de recolocação. Investigue sempre sobre a equipe, e pegue o máximo de referências de gente que participou deste tipo de processo antes de contratar o serviço. Pergunte se foi útil, e como a ajuda prestada apoio na volta ao mercado.


Recapitulando: empresas de Outplacement não são headhunters, pois não trabalham vagas. Alguns profissionais de RH podem até compartilhar vagas e pedir os currículos dos assessorados, mas isso não quer dizer que a empresa de Outplacement vai trabalhar a vaga como se fosse uma de recrutamento e seleção. Outplacement pode ser contratado por pessoa jurídica e em alguns casos por pessoa física, e o contratante deve exigir o máximo de apoio da empresa em diversos assuntos relacionados a sua volta ao mercado. Empresas sérias não fazem promessas que não podem ser cumpridas. Se informe bem antes de contratar este serviço. Não esqueça de coletar o máximo de referências.


Fonte:https://www.dnaoutplacement.com/blog/headhunters-x-outplacement-o-que-sao-o-que-fazem-e-como-saber-a-diferenca-entre-eles-pode-te-ajudar-2/

53 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo